Powered by free wordpress themes

Powered by share market tutorial

quarta-feira , 18 maio 2022
Home / Últimas Notícias / Secretaria de Educação repassa agasalhos ao Fundo Social de Solidariedade

Powered by free wordpress themes

Secretaria de Educação repassa agasalhos ao Fundo Social de Solidariedade

No mês passado, a Secretaria de Educação da Prefeitura de Valentim Gentil deu início a uma importante campanha: O vírus nos separa, o amor nos unir, com o objetivo de arrecadar agasalhos incentivando a doação por alunos da rede municipal de ensino e seus familiares.

Nesta sexta-feira (11/06), a pasta entregou os produtos ao Fundo Social de Solidariedade. O ato foi acompanhado pelo Prefeito Adilson Segura, pelas secretárias de Educação, Neli Geanini, e de Assistência e Desenvolvimento Social, Monize Cavali, além do Presidente do Fundo Social de Solidariedade, Edson Ferreira.

“Mais uma vez, a população se mostrou solidária. Estamos muito felizes com este momento tão especial, onde muitas famílias serão agasalhadas com roupas e calçados, mas também com a solidariedade e empatia”, disse o Prefeito Adilson Segura.

A secretária de Educação explicou que a campanha segue em andamento. “Pedimos a todos os alunos e familiares que olhem com carinho para esta campanha. As doações podem ser realizadas na troca dos materiais ou na retirada do Kit de Alimentação. A solidariedade faz a diferença neste momento”, disse Neli Geanini.

As famílias que estiverem precisando podem procurar o Fundo Social de Solidariedade. “Montamos um varal solidário onde a pessoa pode retirar, neste momento, de 4 a 5 peças. Há agasalhos para crianças e adultos. Contamos ainda com o apoio da população para que as doações continuem”, explicou Edson Ferreira.

Além das escolas, o munícipe que puder e quiser doar pode procurar o Fundo Social de Solidariedade que funciona anexo ao CRAS, na Avenida Cavalin, ou entrar em contato pelo telefone (17) 99645 5289.

Fonte: Prefeitura de Valentim Gentil

Sobre Gazeta

Além disso, verifique

Motorista acusado de atropelar 17 pessoas na frente de bar é condenado a 10 anos de prisão

O mecânico Paulo Alves da Silva, acusado de usar uma caminhonete para atropelar 17 pessoas que …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezenove + 9 =