Powered by free wordpress themes

Powered by share market tutorial

quarta-feira , 18 março 2020
Home / Destaque / Polícia Federal faz operação contra fraudes em licitações no interior de São Paulo

Powered by free wordpress themes

Polícia Federal faz operação contra fraudes em licitações no interior de São Paulo

Região – A Polícia Federal de Jales (SP) realiza nesta terça-feira (16) uma operação contra fraudes em licitações em prefeituras do noroeste paulista envolvendo servidores do Daee (Departamento de Água e Energia Elétrica). Duas pessoas foram presas, uma em São José do Rio Preto (SP) e outra em Urãnia (SP).

G1 entrou em contato com o órgão para um posicionamento sobre a operação, mas até a publicação da reportagem não recebeu resposta.

De acordo com a PF, pelo menos quatro servidores do Daee, nas cidades de Jales e Rio Preto, estão sendo investigados. Destes, dois foram presos temporariamente.

A Operação Nereu conta com 100 policiais federais cumprindo 17 mandados de busca e apreensão nas cidades de Urânia, Jales, Rio Preto, Santa Albertina, Palmeira d’Oeste (SP) e Três Lagoas (MS). Os mandados foram expedidos pela Justiça Estadual de Jales.

Empresas de engenharia da área ambiental, residências dos empresários e as unidades do Daee de Jales e São José do Rio Preto também estão entre os locais vistoriados pela PF.

Os presos foram indiciados pelos crimes de fraude a licitação, associação criminosa, corrupção ativa e estelionato. Todo o material apreendido será encaminhado para a sede da Polícia Federal em Jales.

O esquema

De acordo com a PF, os servidores do órgão estatal, em conjunto com empresas de engenharia ambiental e consultoria, fraudavam licitações que tinham como objetivo a obtenção de recursos financeiros junto ao Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos).

As investigações tiveram início em 2017, ocasião em que a PF cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência de um servidor do Daee de Jales, que reside em Urânia, em outra investigação relacionada a arma de fogo.

Na análise do material apreendido a PF localizou, na memória do celular do servidor investigado e na documentação, informações que demonstraram um grande esquema de fraudes em licitações de prefeituras da região. (G1)

Sobre Gazeta Votuporanga

Além disso, verifique

UNIFEV supera expectativa e apresenta crescimento de mais de 24% em ingressantes

Na contramão da crise, Instituição comemora resultados positivos neste início de ano e investe em …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 3 =