Powered by free wordpress themes

Powered by share market tutorial

sexta-feira , 20 março 2020
Home / Esporte / Coluna Boleiragem – Champions, Liberta e Copa do Brasil na análise de Leonardo Caporalini

Powered by free wordpress themes

Coluna Boleiragem – Champions, Liberta e Copa do Brasil na análise de Leonardo Caporalini

SALAH, MANÉ E FIRMINO, NEGADOS E AGORA AMADOS

Não, não é absurdo nenhum dizer que um egípcio é o melhor jogador do mundo no momento. Não, não é absurdo nenhum dizer que um senegalês faz parte do principal trio de ataque da Europa. E é claro, não, não é absurdo dizer que Roberto Firmino merece a camisa 9 da seleção. Esses três negados, porém agora amados, estão fazendo história e reerguendo um clube que se apequenou nos últimos anos. As frustações não pareciam ser passageiras para o clube com mais títulos continentais da Inglaterra, com péssimas campanhas na era da “Premier League”, desclassificações amargas na Champions…Enfim, dias sombrios passaram pelo Anfield. A terra dos maiores gênios da música, The Beatles, não poderia e não merecia passar por isso. Sim, um egípcio, um senegalês e um brasileiro recolocaram a equipe de Jürgen Klopp, no cenário europeu e mundial. Resta saber se em Kiev, a torcida dos “Reds” terminará o jogo cantando “You’ll Never Walk Alone” ou apenas aplaudindo uma temporada digna de Liverpool Football Club.

MENINOS DA VILA BRILHAM, E SANTOS FICA PERTO DA CLASSIFICAÇÃO

Guardem esse nome: Rodrygo, o “Raio” e nova joia santista. Não é à toa que o menino da Vila foi escolhido como melhor da partida, na vitória do Santos frente ao Estudiantes, por dois a zero na vila mais famosa do mundo.

É incrível como esse garoto joga como um veterano, sempre participativo, decisivo, e fora dos campos sempre com uma humildade invejável. Cabe ao Santos lapidar esse diamante, e transformá-lo em um novo Robinho, Diego, ou quem até em um novo Neymar (sem comparar habilidade, apenas o plano carreira).

Falando em “novo Neymar” (ironia detectada), o jovem Gabriel Barbosa, mas conhecido como “Gabigol”, finalmente desencantou. O atacante santista não marcava um tento desde a partida contra o Santo André, no dia 25 de Fevereiro, há incríveis 2 meses, inaceitável marca para um atacante do nível técnico do mesmo. Mas enfim, ele e Lucas Veríssimo marcaram, e praticamente garantiram o Santos nas oitavas-de-final da Copa Libertadores.

 

O CHOQUE DO AMARELO COM O AZUL, DEU VERDE, OU MELHOR, VERDÃO

“Quando surge o alviverde imponente, no gramado em que a luta o aguarda…”. Apenas isso se ouvia após o jogo entre os dois melhores times do continente. Boca Juniors e Palmeiras se enfrentaram em Buenos Aires, em um dos principais estádios do continente: “La Bombonera”. O Palestra começou o jogo no estilo de Roger Machado, marcando no campo ofensivo e explorando os erros do adversário. O maior problema pra equipe paulista veio do ponta-esquerda Pavón, que deu trabalho o jogo todo em cima de Marcos Rocha, muito criticado por não conseguir parar o argentino nos primeiros 20° minutos. Outro jogador bastante questionado nos primeiros minutos foi o ponta Keno, que não conseguia nem realizar algumas jogadas simples. Mas o futebol (Ahhhh, o futebol…), é simplesmente uma grandeza imprevisível.

Justamente os dois, que começaram muito mal o jogo, foram os responsáveis pelo primeiro gol alviverde. Em um cruzamento perfeito de Marcos Rocha, Keno cabeceou como centroavante e abriu o placar no alçapão. Na sequência do gol brasileiro, quase o Boca empatou. O atacante Ábila (impedido) tentou completar um chute cruzado, mas perdeu uma clara chance embaixo das traves. O primeiro tempo terminou com os “xeneizes” pressionando, e a etapa complementar continuou assim. O goleiro Jailson salvou o Palmeiras em algumas oportunidades, e a sorte salvou em outras. Mas entendam, o jogo era verde. O azul e amarelo, cores do Boca Juniors, se chocaram depois que o goleiro Rossi trombou com Jara, resultando na cor verde. Verde de Lucas Lima, que encobriu Buenos Aires com seu magnífico gol, garantindo os três pontos esmeraldinos. E assim, o Palmeiras sai da Argentina. Vitória com “V” de Verdão, e classificação com “C” de campeão (assim esperam os palmeirenses).

 

EM JOGO DISPUTADO, TIMÃO EMPATA COM O VITÓRIA E DECIDE CLASSIFICAÇÃO EM CASA

Em um jogo bastante disputado, Vitória e Corinthians empataram em 0 a 0 no Barradão. O empate tem que ser bastante comemorado pelo lado corintiano, já que precisa apenas de uma simples vitória jogando dentro de casa. A partida foi de “tempos opostos”. O primeiro tempo foi de um Corinthians sem a “bola no pé”, mas com mais chances, e a etapa complementar foi de posse de bola e poucas chances paulistas. Sem dúvidas, o jogo está em aberto, mas um empate fora de casa, nunca é uma má opção. O Corinthians vai para o jogo de volta como franco favorito para a classificação para as quartas da Copa do Brasil.

COM CR7 APAGADO, REAL MADRID VENCE BAYERN DE MUNIQUE FORA DE CASA E ENCAMINHA CLASSIFICAÇÃO

Como esse time é iluminado… Até em jogo em que seu principal craque não brilha, ainda assim consegue desempenhar o seu papel de melhor time do mundo. O Bayern, hexacampeão alemão, até tentou fazer frente aos “merengues”, abrindo o placar com um belo gol de Kimmich (atual melhor lateral-direito do mundo). Mas como eu já disse anteriormente, esse time é iluminado. O atual melhor lateral-esquerdo do mundo (e um dos melhores de todos os tempos) Marcelo, empatou a partida com um belo chute no canto esquerdo do goleiro Ulreich. Na segunda etapa, o Real começou melhor, e não demorou muito para abrir vantagem.

O brasileiro Rafinha errou um passe no meio de campo, dando oportunidade para um contra-ataque letal do time espanhol, e depois de um bom passe de Lucas Vásquez, Asensio apareceu cara a cara com o goleiro bávaro, e apenas tirou do seu alcance. Com o resultado, o Real pode até perder por um a zero, dentro de casa, que garante vaga na final da Liga dos Campeões (pelo critério de gol fora de casa).

 

OUTROS JOGOS:

SANTA FÉ 0 X 0 FLAMENGO (COPA LIBERTADORES)

GOIÁS 0 X 0 GRÊMIO (COPA DO BRASIL)

JOGOS DE HOJE:

CRUZEIRO X UNIVERSIDAD CHILE (COPA LIBERTADORES)

VASCO X RACING CLUB (COPA LIBERTADORES)

 

LEONARDO CAPORALINI – BOLEIRAGEM 

BEM, A PARTIR DE AGORA AQUI NA GAZETA DE VOTUPORANGA COMEÇA A COLUNA “BOLEIRAGEM”, QUE VAI FALAR DOS MAIS IMPORTANTES ASSUNTOS DE FUTEBOL DO MUNDO, DESDE A NOSSA VOTUPORANGUENSE ATÉ OS PRINCIPAIS CLUBES EUROPEUS (MINÚSCULOS PERTO DO CAV). ENTÃO, SOB O COMANDO DE LEONARDO CAPORALINI (NO CASO EU, O LÉO) COMEÇA O BOLEIRAGEM, A IRREVERENTE INFORMAÇÃO DO FUTEBOL PELO MUNDO.

Sobre Gazeta Votuporanga

Além disso, verifique

Adversário do CAV na estreia da A2, Juventus vence o São Paulo em jogo-treino

Na manhã desta quarta-feira (15/01), o Juventus, adversário do CAV na estreia da Série A2, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × quatro =